Almanaque da Economia

 
Última edição

Almanaque da Economia

Edição 02

Considerado como um dos maiores sábios, senão o mais sábio de todos os homens que já existiram, o grego Aristóteles possui também o título de criador do conceito de economia; para ele, era preciso saber “administrar bem a própria casa”: este é o significado exato da palavra “economia”, em grego; a economia é, portanto, vista sob seu aspecto mais importante, “economia política”, ou seja, implica no conhecimento das leis gerais que devem governar a administração dos bens da cidade, quer dizer, da sociedade. Porque os homens, reunidos em sociedade, obedecem a certos costumes ou leis; a fim de satisfazer suas necessidades, eles dispõem de seus braços e de sua inteligência, os quais eles colocam em ação para produzir coisas úteis. O problema abordado pela economia política, portanto, é o de como os homens devem se organizar, ou seja, que leis eles devem adotar, a fim de que, mediante seu trabalho, cheguem à satisfação mais completa e mais racional de suas necessidades. Daí a importância capital da economia política e do conhecimento de seus conceitos básicos, além, é claro, de uma revisão mesmo que abreviada dos seus principais representantes, desde o renomado Aristóteles da Antiguidade até os mais recentes economistas, sejam teóricos ou práticos, cujas opiniões influenciam o curso dos acontecimentos políticos e a ordem da produção.


Nas categorias: NEGÓCIOS & CARREIRAS